CARTA DO GESTOR 11/2021: ARTESANAL TOTAL RETURN FIM

O fundo encerrou o mês com rentabilidade negativa de 2,41% e, no acumulado do ano de 2021, desvalorização de 8,73%. Esse resultado foi impactado, principalmente, pela volatilidade negativa e operações de Long&Short. O impacto das operações de volatilidade com resultado negativo (-126 bps) foi resultado do book direcional, resíduos de operações de volatilidade, dada a correlação com o Ibovespa que se desvalorizou em novembro. As operações de Long & Short impactaram negativamente em 158 bps com operações de pares do setor bancário que, depois da divulgação dos resultados do Banco do Brasil acima das estimativas do mercado, a ponta que o fundo estava vendido (Short) teve valorização dada a conjuntura. A outra ponta do par (Long), com um beta muito menor, acreditamos que deve acompanhar o BBAS, não apenas pelos resultados, mas também pelo nicho (bancos públicos) e pela similaridade entre as carteiras. Aproveitando o momento de alta nos juros dado o aumento da SELIC pelo COPOM, continuamos posicionados, de forma estratégica, em uma parcela de Crédito Privado em FIDCs 100% gestão Artesanal Investimentos.


Recomende esse texto: