CARTA DO GESTOR: ARTESANAL CP FIC FIM

“Mais uma vez, o nosso fundo manteve sua estratégia de retorno com uma rentabilidade em março de 1,48% ante 1,05% do CDI Over, o que fez com que pelo segundo mês consecutivo, mantivéssemos o retorno de 141% sobre o CDI Over. Essa tendência deverá se manter por mais alguns meses, enquanto o Comitê de Política Monetária do BaCen continuar na sua trajetória de afrouxamento monetário, que deverá levar a taxa de juros básica para um patamar de um dígito antes do segundo semestre.

Com relação a estratégia de investimento do fundo, não houveram alterações no número de fundos investidos ou da quantidade de cotas, porém, as amortizações de cotas de FIDCs que não são geridos pela Artesanal, elevou para 96,54% a participação dos nossos fundos, o que reforça a qualidade de controle que possuímos sobre a gestão da carteira de ativos.

Com relação a tendência do fundo para o próximo mês, acreditamos que o reforço da entrada de recursos do FGTS, associado a melhoria da confiança dos empresários e consumidores, deverá reduzir um pouco a inadimplência, fazendo com que os FIDC nos quais o nosso fundo investe, melhorem o nível de rentabilidade e o grau de garantia oferecida aos nossos investimentos. Essa tendência deverá perdurar por todo o primeiro semestre, e deverá ser potencializado caso as reformas trabalhista e previdenciária consigam avançar sem grandes modificações.

Agradecemos a confiança.

Equipe de Gestão Artesanal Investimentos”


Recomende esse texto: