CARTA DO GESTOR 04/2020: ARTESANAL FIC FIM

“O Fundo Artesanal FIC FIM obteve rentabilidade de 0,39% em termos nominais, que representa 137% do CDI no mês, acumulando uma rentabilidade de 127 % CDI no ano de 2020.

O fundo segue buscando ganhos em distorções oriundas da incerteza do momento que atravessamos.

No mês de abril o Ibovespa junto a todos os mercados mantiveram essa constante oscilação o que tem nos trazido oportunidades, principalmente nas estratégias de Arbitragens e Holdings, onde temos capturado ganhos de má precificação. As outras estratégias seguem compondo o portfólio para diversificação, e agregando performance.

Os ganhos em Holding`s vieram das operações com Itausa e Metalúrgica Gerdau: Itausa segue com desconto operando em níveis historicamente baixos, oscilando entre 15% e 17%; Metalúrgica Gerdau após um período entre 17% e 19%, voltou a operar nos níveis de 22% a 20%, esse movimento nos trouxe a oportunidade de se posicionar, e gerar ganhos para o Fundo.

Descontinuamos por hora as operações com Júlio Simões e Banco do Brasil, nos últimos dias do mês enxergamos uma má precificação em Bradespar o que nos deu oportunidade para montarmos uma pequena posição, nos demais papeis não estamos ativos por julgarmos a relação Risco/Retorno não atrativa.

Os pares de Long&Short seguem com ganhos. Durante o mês ficamos ativos em Bradesco, São Martinho vs. Cosan, Pão de Açúcar vs. Carrefour e um pequena parcela em varejo com Lojas Americanas.

No mercado de Renda Fixa, voltamos a financiar algumas operações a termo, as taxas de antecipação melhoraram bastante, gerando um bom rendimento.

Por enquanto, a estratégia segue pequena sem ganhos relevantes.

Nas opções seguimos fazendo uma pequena parcela do Fundo em financiamento devido à alta volatilidade dos papeis, com posição em Petro, Vale, Bradesco e Itaú para o vencimento maio/2020.

Agradecemos a confiança,

Equipe de Gestão Artesanal Investimentos.”


Recomende esse texto: