CARTA DO GESTOR 03/2018: ARTESANAL FIC DE FIM

“O Fundo Artesanal FIC FIM obteve rentabilidade de 0,49% em termos nominais, que representa 92,41% do CDI no mês.

No mês de março, mantivemos quase todas as estratégias no Fundo, com exceção do Financiamento de opções.
Estamos revendo nosso modelo de hedge, com isso, a estratégia se encontra com pouca representatividade na carteira.

Encerramos o trimestre a 1,37% em termos nominais, o que representa 85,47% do CDI.

Para o fechamento do semestre, estamos modificando algumas alocações dentro das estratégias já existentes no fundo, e seguimos, com o nosso propósito de manter a melhor alocação risco vs retorno para os nossos cotistas.

A alocação de será mantida estrategicamente, para uso de margem de garantia. Estamos buscando encurtar o vencimento dos nossos papeis com pouco prêmio, com a intenção de capturar ganhos futuros.

Nas estratégias com opções, continuaremos com a nossa tese de não tomar risco direcional, buscando distorções entre call e put, com objetivo de montar operações de renda fixa. No trimestre, a estratégia se mostrou bastante positiva, visto que, estamos otimizando melhor nosso excedente de caixa e margem.

A estratégia de termo e arbitragem serão mantidas sem grandes modificações, bem como nossa posição em crédito privado.

Como escrito anteriormente, nosso grande destaque negativo do trimestre foi a estratégia de financiamento com opções. No mês de fevereiro, nosso hedge (proteção contra queda ou alta), não apresentou o resultado esperado pelos nossos estudos e modelos, visto isso, estamos realizando novos backtests, afim de termos mais respaldo para darmos continuidade na estratégia.

Nas operações de Long&Short e Holdings, tivemos algumas perdas no decorrer do trimestre com os setores de toll’s and road’s e açúcar & álcool. Os ganhos vieram em consumo, setor financeiro e papel & celulose e mineração. Temos a intenção de mantermos as duas estratégias, com o intuito de aumentar cada vez mais nosso tamanho de pares.

Hoje o fundo está carregando uma posição de long&short em papel e celulose, e em Holding temos Bradespar e Itausa, para os pares em Gerdau e banco do brasil não estamos enxergando ganhos no curto prazo.

Agradecemos pela confiança.

Equipe de Gestão Artesanal Investimentos.”


Recomende esse texto: